Cuidar > Saúde > Formas de tratamentos > Auto Hemoterapia

Auto Hemoterapia

Auto HemoterapiaO que é?

A auto-hemoterapia consiste em retirar uma pequena quantidade de sangue do paciente (de 5 a 20ml) e reaplicá-la no tecido muscular, isso desencadeia uma reação do sistema imunológico que acredita que foi invadido (o sangue fora da veia é considerado um antígeno) e produz uma quantidade muito grande de monócitos, células com função defensiva de destruição de invasores.

Isso causa um aumenta em cerca de 4 vezes a concentração destas células defensivas, o que deixará o organismo bem resistente contra infecções, alergias ou a presença de algum outro corpo estranho.

Graças a isso os defensores desse método aconselham-no como forma de combate ou profilaxia contra uma gama bem variada de doenças, desde acne até pneumonias.

Outro grande elemento a favor dessa técnica é o custo zero de utilização, necessita-se apenas de uma seringa e um profissional capacitado para aplicar injeções (enfermeiro, médico ou farmacêutico).

Provavelmente por esse motivo não ouve muito investimento particular na técnica (já que não geraria lucro) e até hoje não foram realizados testes conclusivos de sua eficácia, trataremos disso mais abaixo.

Quais os possíveis benefícios

Devido ao aumento da atividade do sistema imunológico nosso organismo se torna melhor no combate a diversas doenças, principalmente infecções e parasitoses, graças a isso a lista de doenças que ela auxilia no combate é bem ampla, incluindo infecções bacterianas (hepatites, pneumonias), acnes, cólicas, diarreia, alergias, diabetes, infecções virais, úlcera, reumatismo…

A extensa lista leva-nos a crer que se trata de um “negócio da China”, porém deve-se lembrar que remédios como os antibióticos não trabalham sozinhos, eles apenas auxiliam o sistema imunológico a realizar seu trabalho, que quanto mais rápido for realizado, melhor. Assim sendo, a auto-hemoterapia é aconselhada pelos seus entusiastas como complemento de outras técnicas, que funcionarão muito melhor se você tiver uma boa defesa no organismo.

Riscos e Polêmica

Provavelmente graças a suas baixas perspectivas de lucro pelo mercado ou pelo fato de não ter tido muitos defensores chamando a atenção para essa técnica, a auto hemoterapia não passou pela série de testes clínicos necessária para a autorização da utilização de um tratamento em larga escala, ainda não é confirmado seus benefícios e, principalmente, não é confirmado que ela não pode causar males maiores do que o que está combatendo.

Existe a possibilidade (nada comprovado) de que o sangue sendo um agente irritante para os tecidos tenha uma grande chance de vir a causar necrose do músculo onde é aplicado se a técnica for utilizada por muitas vezes.

Outro motivo que gera contra indicações da auto-hemoterapia é a teoria de que um de seus possíveis efeitos colaterais seria que o organismo passa-se a reconhecer sempre o próprio sangue como um antígeno, o que geraria uma reação do corpo contra o próprio sangue resultando na morte do paciente.

Graças a falta de confirmação de eficácia e a probabilidade que o paciente deste tratamento esteja sujeito aos riscos listados acima a auto hemoterapia é listada como tratamento experimental e só pode ser realizada por alguém autorizado pelo Sistema Estadual de Sangue.

Status atual do Tratamento

A ANVISA considera a utilização desta técnica uma infração sanitária e quem a praticar sem devida autorização pode ser punido pela lei.

Um exemplo bem atual sobre o andamento do status legal da hemoterapia é o fato que o Dr. Luiz Moura, médico autorizado pelo Conselho Regional de Medicina do Rio de Janeiro a executar a técnica e que ficou famoso por aparecer em um vídeo de longa duração defendendo a utilização da técnica em diversos casos, ter sido inocentado de dois processos éticos que sofria pelo Conselho Federal de Medicina. Esse não é um fator decisivo sobre a técnica, mas serve de curiosidade para sabermos como vem sendo visto seus praticantes pelos conselhos médicos.

Eu pude achar alguns artigos científicos no “National Center for Biotechnology Information” citando sucesso no uso da técnica para o tratamento de herpes e outras doenças originárias de antígenos, mas nenhum estudo grande que mereça ser citado aqui no intuito de provar a existência ou ausência de malefícios, estudo esse que poderia acabar com a discussão sobre a técnica.

Minha Opinião (Guilherme Soares): Infelizmente como é um assunto polêmico, não posso afirmar nada certamente nesse artigo como faço em alguns outros em que escrevo me baseando em dados científicos comprovados, logo apresentei as opiniões dos dois lados. Acredito que devido ao potencial da técnica deveria fazer-se um estudo intensivo sobre seus efeitos (mesmo que com capital do governo pois não é de interesse de nenhuma empresa) e se ela for realmente tão boa quanto parece a uma primeira analise, que seja liberada para utilização massiva quanto antes. Porém eu não utilizaria enquanto não confirmarem sua segurança.

Fotos em "Auto Hemoterapia":

    Elci R Barbosa disse:

    Tenho 59anos,e estou além de sofrer com o mal da menopausa,agora diabetica.A unica coisa que me impediu de começar a fazer hemoterapia é o fator de não saber se há contraindicação para diabeticos.
    Por favor responda.

    selma regina bafoni disse:

    Preciso fazer por recomendação medica quero sabr como fazer c eh todo dia , c tem um intervalo de tempo entre uma aplicação e outra e por quanto tempo pod ser feito tenho a imunidad muit baixa e os médicos não conseguem descobrir porq.Obrgda.

    aparecida disse:

    Eu tinha uma perda de massa ossea de 33%,tinha muita dor no femor e coluna .até que meu medico me disse, vc tem que conviver com essa dor somente tomar reimedio para dor pois vc tem otosporose artrose e bico de papagaio .Ai eu resolvi fazer a auto hemoterapia,com a 1 aplicaçao senti outra pessoa,fiz durante 1 ano 1x por semana 5ml.Hoje me sinto outra pessoa trabalho muito sem sentir ,vou aos bailes e faço de tudo…Isso td graças a auto hemoterpia e a confiança em Deus,pois a obra é dele,tenho 63anos e queria saber se posso volta a fazer novamente,pois tenho medo de passar por td novamente….

    francisco disse:

    olá a todos … sempre fui muito cético quanto a “modismos” porém, esperei que um irmão e uma irmã o fizessem e amanhã, 24/09/2014 farei minha 4ª aplicação e minha esposa, que está começando a sentir os sintomas da menopausa, tem 50 anos, vai fazer a sua primeira, sou uma prova viva de que a AHT funciona: tenho 55 anos, ja estava pensando que tinha entrada na fase do “com dor” e já na primeira aplicação desapareceram todas as dores musculares, incluindo uma no meio da coluna cervical, que eu acreditava ser “mau jeito” por ter costume de dormir no sofá, passei a dormir melhor e, sexualmente, melhor do que viagra !!! recomendo a quem quiser fazer … PS.: quem me passou o material do Dr. Luiz Moura foi um tio de 74 anos ( ultimo irmão vivo do meu finado pai ) que há 8 anos não sente mais nenhum sintoma de um câncer localizado alguns centimetros acima da próstata e deixou de fazer cateterismo para desentupir uma artéria no pescoço, tudo graças à AHT.

    José disse:

    Na primeira aplicação já fez efeito?
    Quanto voce ta ganhando pra dizer isso?
    Eu faço essa merda de AHT há 6 meses e até agora não vi p@rr@ nenhuma de efeito. isso é a maior enganação dos ultimos tempos. Não aguento mais fazer isso, me acho um idiota. Pior que não tenho coragem de dispensar a “enfermeira” que ta fazendo essa p@rr@. Vou lançar a cocoterapia, vou ficar rico. Ad pessoas acreditam em tudo o que inventam para ter saude facil. Lembra da urinoterapia? Por que eu não posso inventar a cocoterapia?

Deixe um comentário

Evite colocar links, emails, palavrões ou qualquer tipo de conteúdo ilícito no seu comentário ou não será aprovado. Nosso site é apenas de carater informativo e não uma loja, não pergunte preços. Desculpe pelo incomodo.