Cravina

Plantas > Floríferas > Cravina

Características

Também chama de Dianthus chinensis, essa pequena planta florífera nata da Ásia se caracteriza graças a presença de lindas flores formadas por várias pétalas longas que geralmente possuem cores quentes e de diferentes tonalidades em seu centro e em sua borda.

Cultivo

Pode ser plantada tanto em jardins quanto em vasos graças ao seu pequeno porte, no entanto é uma planta que necessita de muita luz, se desenvolvendo melhor a pleno sol, logo se pretende cultivá-la em vaso, certifique-se de posicioná-lo em lugar devidamente iluminado para obter melhores resultados. Embora ela não tenha problemas com o sol a pino, o clima abafado deixa essa planta enfraquecida, ela se desenvolve bem melhor em lugares de climas mais amenos.

Utilize um solo rico em matéria orgânica e com boa drenagem para que o acumulo d’água não estimule a propagação de fungos que podem trazer doenças as suas plantas. Para isso misture fertilizante orgânico e areia grossa ao solo onde pretende plantar a Cravina. Irrigue de forma a mantê-lo sempre ligeiramente úmido, em dias alternados geralmente é o suficiente para épocas não muito secas ou quentes.

32 comentários sobre “Cravina”

  1. Eu comprei uma cravina, aqui em casa pega sol direto pela manhã e fica em um lugar muito bem iluminado pela luz solar durante o dia, e sempre mantenho sua terra úmida. Mesmo com todos esses cuidados a planta não está me parecendo saudável. Suas flores e seus botões murcharam, e suas folhas que estavam verdes ficaram amareladas e caídas. O que pode estar acontecendo?

Deixe uma resposta