Cravo de Defunto

Características

Exitem duas plantas de espécies pertencentes ao mesmo gênero que recebem esse apelido, a Tagetes erecta e a Tagetes patula. Essas plantas também podem ser conhecidas popularmente como flor de estudante, tagetes anão, cravo francês, cravo amarelo, cravo da Índia ou rosa da Índia. Embora tenha essas alcunhas populares que lembram a Índia ou a França, essa é uma planta florífera originária do México, onde é bastante utilizada na decoração do “Dia dos Mortos”.

As Tagetes são plantas que floram abundantemente durante o verão e são de inigualável beleza, suas flores são resistentes e não ficam queimadas mesmo sendo criadas a pleno sol e além disso elas possuem um aroma forte que tem a propriedade de afastar algumas pragas. Devido a essa soma de vantagens é uma ótima planta para se criar em seu jardim.

Suas flores também possuem algumas propriedades medicinais se devidamente manipuladas.

Como Cuidar

As tagetes são plantas tropicais extremamente resistentes ao frio e ao calor, para seu melhor crescimento devemos cultivá-las em local ensolarado e solo devidamente misturado a adubo orgânico, além da aplicação de um pouco de adubo NPK rico em fósforo antes do início do verão, para que tenham uma melhor floração. Irrigações devem ser diárias, mas sem encharque.

Fotos em "Cravo de Defunto":

    Thamyris disse:

    Bom dia.
    Eu cultivo um cravo amarelo, e o inverno começou e o solo está muito alagado. Minha plantinha está com o caule verde, porém as folhas e as flores estão murchas e pretas, dei remédio mas não serviu. O que devo fazer?

    Anita disse:

    Bom dia, já tentei cultivar várias vezes a flor de cravo de defunto, sempre compro as mudas prontas, já floridas, compro várias, planto-as em meu jardim, e logo elas morrem, já fiz o que me disseram regar bem , mas não adianta, elas morrem. Gostaria se possível me ajudar a poder cultiva-las, pois acho elas lindas. Obrigada e no aguardo. Anita

    Adeita Pires Mendonça disse:

    Este tipo de cravo produz flores e morre, ele não é perene, você tem que usar as sementes e replantar.

    Aparecida disse:

    Olá Anita.Primeiro,elas não gostam de muita água. Segundo, essas plantas de floricultura são de estufas e morrem quando as transplantamos,se vc não encontrar o pacotinho de sementes, tente manter a muda comprada sem a tranplantar deixe em ambiente claro e fresco (meia sombra)e não a encharque, assim que a flor madurecer colete as sementes. Essas que você semear aguentarão sol e chuva.
    Tenho pés no meu quintal que já estão completando 1 ano, sempre florindo e reflorindo, ou seja secam umas nascem outras. Consegui assim.

    Antonio disse:

    Olá, alguém saberia informar sobre a coleta de sementes de tagetes, e se ocorre cruzamento entre as variedades e risco de perder as caracteristicas das variedades?
    Grato

    Adeita Pires Mendonça disse:

    Muito simples as flores quando secam possuem muitas sementes para serem replantadas.

    Aparecida disse:

    Coleta de sementes -Quando as flores murcham e secam no pé você as colhe e as desfaz, na base das pétalas estarão as sementes que se assemelham a espinhos pretos. Jogue essas sementes em terra fôfa e logo nasceraõ bastante mudas.Quanto as variedades não sei.

    eloiza disse:

    eu fiquei marafilhada e beijos

    sylvia disse:

    Eu comprei um envelopinho dessas sementes em um supermercado, nasceram apenas duas, mas foi suficiente para me abastecer de muitas flores, as q uais sequei e estou espalhando as ¨minhas¨ sementes pelo sítio. Logo terei muitas. Faça como eu, procure também em casas de artigos agrícolas. Achei até sementes de tomilho, uma raridade por estas bandas. Não cheguei a gastar dois reais.

    sylvia disse:

    É só procurar essas sementes em supermercados e casas de artigos para agricultura. São vendidas pela Feltrin e custam apenas um real, até menos.

Deixe um comentário

Evite colocar links, emails, palavrões ou qualquer tipo de conteúdo ilícito no seu comentário ou não será aprovado. Nosso site é apenas de carater informativo e não uma loja, não pergunte preços. Desculpe pelo incomodo.