Onze Horas

Características

A Onze Horas, ou Portulaca grandiflora, é uma planta florífera rasteira nativa da América do Sul que tem o curioso comportamento de abrir as suas flores próximo ao meio dia, graças a isso recebeu seu nome popular.

Com cerca de vinte centímetros de estatura e folhas carnudas, essa planta se destaca principalmente por suas flores, que nascem durante todo o ano e em grande quantidade, além de apresentarem uma enorme variação de cores, o que faz da onze horas uma ótima planta para colorir o chão de seu jardim.

Como Cuidar

Plantas suculentas como as onze horas têm a enorme vantagem de serem adaptadas a climas extremos, podendo sobreviver muito tempo sem rega ou nutrientes, caso necessário, apenas com o que está armazenado em seu interior. No entanto a ideia de criar um jardim é ter plantas mais belas possível, logo aconselha-se tomar alguns cuidados para otimizar o crescimento desta planta:

  • Antes do plantio misture ao solo um pouco de adubo orgânico, a partir do momento em que a planta chegar a uma fase do seu desenvolvimento em que ela começa a produzir flores, passe a adicionar de tempos em tempos adubo NPK rico em fósforo, para estimular um maior florescimento, além de reforçar a dose de fertilizante orgânico.
  • Irrigue de forma a nunca deixar o solo completamente seco, não é porque a planta é capaz de sobreviver a períodos de estiagem que você deve fazer com que ela passe por eles. Lembre-se apenas de nunca encharcar a terra nem os botões das flores, o que favorece a proliferação de doenças.
  • Cultive-a em lugar bem ensolarado, essa planta não sofre nenhum problema com o excesso de sol, muito pelo contrário, o sol estimula ela a abrir suas flores.

Essa não é uma planta de difícil trato, seguindo as dicas acima provavelmente você obterá ótimos resultados. Não se assuste com as flores fechando durante a noite, elas voltam a abrir quando há luz.

92 comentários em “Onze Horas”

  1. Olá! Tenho dois canteiros cheios de onze horas que dão flores todos os dias. Mas percebi que as flores estão se abrindo com um buraco já formado no broto. E quando a flor murcha e cai, na parte que a flor se fixava e onde nascerá outra flor, tem uma coisinha que parece uma cestinha cheia de bolinhas pretas, muito pequenininhas. Não sei o que é…ja coloquei Neem indiano e não resolveu…Alguma idéia? Até tirei fotos, para ver se algum descobre, mas até agora, nada. Por favor, preciso de ajuda, pois as minhas onze horas são a minha paixão!!! Obrigada, Natalia

    1. Parabéns!! Você será vovó pois suas onze horas estão dando sementinhas. Cuide como sempre e arranque o excesso quando o canteiro começar a ficar muito cheio (isso aumenta o risco de ataque por fungos). Abraços.

  2. Vânia e Pri,
    A a flor da Onze Horas se abre somente uma vez e depois disso ela se fecha e seca, mas haverá muitos botões que se abrem todos os dias. Se a planta está com as extremidades começam a se definhar e não nascem flores, certamente está com uma praga, os pulgões. Observe se há uns insetinhos bem pequenos que ficam no caule próximo às extremidades, geralmente quando há, também há formigas tb. Esse spulgões sugam a seiva da planta e por isso elas se enrugam toda. Esses pulgões soltam um excremento adocicado, por isso a presença de formigas, que usa isso como alimento.
    Para acabar com essa prega use o inseticida Diazitop PM. Compre um envelope e dissolva um pouco de pó em água e vaporise por toda a planta. Uma única aplicação é suficiente para acabar com os pulgões. Logo sua planta se recupera e inicia a floração.
    Abraços.

  3. I love plantas, eu to tentando colecionar tenho mais de 100 especies, e vendo algumas mudas,é maravilhoso cuidar das plantas principalmente quando elas me presenteia com flores rsrrsrsr.

    1. Olá! Podem me explicar como fazer e plantar as mudas de onze horas? Não sei se coloco o pedaço do galho normalmente dentro da terra deixando os demais galhinhos todos para fora ou se devo plantar na horizontal deixando apenas um galhinho para fora. Procurei algum video plantando onze horas mas não achei. Ganhei vários galhos. Obrigada.

  4. Moro no Rio Grande do Sul na cidade de São Leopoldo, na região do Vale dos Sinos. Distante 36km da capital. Tenho vasinhos com 11cm de altura por 44cm de diâmetro na superior(boca) e inferior 36,5com de diâmetro, estes vasinhos estão espalhados no muro envidraçado num corredor externo de minha casa. Os vasos ficam rente ao vidro sobre o muro e neste muro bate todo o sol da manhã até meio dia. Que flores que gostem deste sol eu posso plantar nesses vasinhos sem que precise transplantar na o canteiro mais tarde.
    Obrigada e fico agruardando uma resposta

  5. Tenho onze horas e já faz bastante tempo que elas não dão flor. Elas começam a se desenvolver bem e com força, mas depois não sei o que acontece que elas começam a definhar nas extremidades e nunca dão flor. Alguém pode me ajudar?

Deixe uma resposta