Cuidar > Plantas > Floríferas > Rosa do Deserto

Rosa do Deserto

Características

Muito conhecida também como Lírio impala ou Adenium obesum, esta herbácea de médio porte, pouco mais de 1 metro de estatura e nativa da África possui características de plantas adaptadas a climas semiáridos, como a de guardar água em seu interior para resistir a estiagem (ou falta de rega) e não morrer facilmente quando em condições climáticas desfavoráveis. Essas facilidades extras no cultivo combinadas com suas lindas e abundantes flores fazem desta planta uma ótima opção para a decoração de ambientes.

Cultivo

Onde e Como Plantar

Devido a sua origem de regiões semiáridas, esta suculenta se desenvolve melhor em lugares de alta incidência de sol, preferencialmente durante todo o dia. Por mais que possa florir e se desenvolver bem durante todo o ano, geralmente é nas épocas mais quentes como a primavera e verão que ela tem seu melhor crescimento. Devemos tomar cuidado durante o inverno pois essa planta não suporta o frio intenso.

Tipo de Solo

Utilize uma mistura arenosa de solo para fazer o plantio, isso para que a boa drenagem proporcionada por esse tipo de substrato facilite o escoamento d’água e assim diminua eventuais encharcamentos, o que é muito importante, uma vez que as raízes dessa planta apodrecem facilmente com excesso d’água.

Quanto à nutrientes, para garantir que eles não faltem utilize um pouco de fertilizando orgânico antes do plantio e reforce a dose de nutrientes com adubo NPK esporadicamente. O adubo NPK é importante pois o fósforo é muito importante para plantas que apresentam muitas flores.

Como Cuidar

Lembre-se que o fato de ser uma planta oriunda do semiárido não faz dela imortal à falta d’água, muitas pessoas cometem o erro de nunca irrigarem suas suculentas e planta nenhuma vive sem água. Porém tome cuidado também com o excesso, umedecer o solo a cada alguns dias costuma ser o suficiente para essa planta, nunca podemos encharcá-la para assim não propiciar a proliferação de fungos.

Em caso de invernos rigorosos, mova o vaso da planta para lugares protegidos do clima durante a noite, e exponha a muito sol durante o dia. Desaconselhamos tentar cultivá-la em jardins exteriores em lugares onde ocorram geadas, pois há uma grande chance da planta não sobreviver.

Fotos em "Rosa do Deserto":

    Valcenir Sabiino Moreira disse:

    Bom dia,mudei minha rosa do deserto para um vaso maior e ela começou a sair varios brotos,porem algumas folhas comecaram a amarelar….O que devo fazer?

    como cuidar da rosa do deserto disse:

    Moro em um apartamento em frente ao mar, em Salvador. Tenho um pé de rosa do deserto cuja floração é escassa. O que devo fazer? a planta suporta ser transportada para um terreno ao ar livre? Grata pelas informações. Maria.

    dalva maria disse:

    gosto muito da rosa do deserto. gostaria de obter mais informações sobre essa planta. tenho uma ainda pequena, deixo no sol,mas,as algumas folhas estão amarelando. o que devo fazer?

    Nair Picoli disse:

    Minhas plantas soltam folhas mas logo aparecem umas pintas amarelas e elas caem os botoes de flores também secam antes de abrirem oque de fazer pois gos
    to muito dessa planta

    Alessandra disse:

    Ola, a cerca de 3 anos comprei uma mudinha da Rosa do Deserto e hoje ela tem quase 1 metro, porém só floriu uma vez.Acho que meu erro foi nunca ter feito uma poda e gostaria muito de fazê-la agora de modo que minha linda Rosa possa fortalecer seu caule e florir mais vezes. Vocês poderiam me auxiliar sobre como devo fazer esta poda?
    Grata
    Alessandra

    Valdenora disse:

    Boa noite gostaria de saber como plantar e manter as mudinhas vivas obrigada

Deixe um comentário

Evite colocar links, emails, palavrões ou qualquer tipo de conteúdo ilícito no seu comentário ou não será aprovado. Nosso site é apenas de carater informativo e não uma loja, não pergunte preços. Desculpe pelo incomodo.